31/10/14

Happy Halloween! Feliz dia do Saci!

Bom dia Bruxinhas!!


Fonte:http://baypointclub.co.uk/



Hoje, dia 31 de outubro, conhecido como dia das bruxas ou Halloween!

Ontem no inglês tive uma aula MUITO legal sobre a origem dessa comemoração.

O negócio é que muitos anos antes de Cristo, o povo celta acreditava que nas trocas de estações do verão para o inverno o mundo dos mortos ficava mais próximo ao mundo dos vivos, por isso alguns espíritos maus poderiam passar para o lado dos vivos e estragar as plantações e fazer maldades. Para que isso não acontecesse, o povo celebrava o dia oferecendo sacrifícios. Isso foi o que eu vi em um documentário que o professor passou, mas andei pesquisando e vi que existem outras histórias sobre essa origem. Enfim, quando o cristianismo entrou na jogada a cultura foi se modificando.

O cristianismo criou no dia primeiro de novembro dia de todos os santos (All saint's day) O Helloween nada mais é que a "véspera do dia de todos os santos" All (todos) Hallow (santos) eve (véspera). Isso não é muito interessante??? Adoro saber essas origens de palavras!

Aí como nós brasileiros somos muito pentelhos, encucamos que o dia das bruxas não tem nada da nossa cultura, que isso é coisa da cultura inglesa/americana. Por isso os chatos de plantão inventaram o dia do Saci no dia 31/10. (Não podia ser outro dia? Chatice!)

Fonte:http://acislp.com.br/


Eu A-D-O-R-O do Saci!! Mas esse negócio de TER QUE gostar da nossa cultura e NÃO PODER gostar da cultura dos outros é muito chato! Eu adoro filmes de criancinhas fantasiadas pedindo doces de casa em casa... não dá pra fazer isso aqui porque não é difícil essa criança ficar sem doce nenhum no meio do caminho ou até ser aliciado para o tráfico! (Exagero de uma pessoa revoltada com o país)

Independente da cultura o negócio é aproveitar e se divertir. Se eu tivesse alguma festa de halloween para ir... poderia ir fantasiada de saci!! Por que não?

23/10/14

Dúvidas Sobre Amizades



Era uma vez duas meninas que eram muito amigas, aí uma delas começou a namorar e a amiga ficou mais amiga do namorado do que da outra menina, que se enfezou e rompeu a amizade, anos depois rompeu o namoro também.

***

Era uma vez dois meninos e uma menina, eles eram super amigos, super. Cada um tinha seus namorados, alias o namorado da menina ficou bem amigo dos meninos também, até que um dia a namorada (na verdade já noiva) de um dos rapazes fez um papelão, inventou uma história mal contata, querendo que todo mundo engolisse, a menina amiga dos meninos se emputeceu e mandou todo mundo práquele lugar.

***

Eu não sei qual é a da amizade. Vocês acham o amor difícil de entender? Na minha opinião, amizade é muito pior. Quando o assunto na mesa é "amizade" me autointitulo "HashtagJulianaSemAmigos". Eu tenhoooo... deixa eu contaaaar.... no máximo umas 3 amigas. Costumava ter mais amigos homens, achava mais fácil de me relacionar, mas agora parece que dá tudo na mesma.

Amizade é o quê? Você se dar bem com uma pessoa, compartilhar ideias, gostos musicais, gostos culinários?? Tem que ter alguma coisa em comum, pelo menos. Não? E tem que rolar uma lealdade. Não? 

Eu acreditava que sim, que amigos eram leais! Mais leais do que fiéis! Honestos! Verdadeiros!
Amizade aceita tudo? Amizade é um sentimento misericordioso que perdoa qualquer tipo de deslize? Quais são os BONS motivos para acabar com uma amizade?

Eu sinceramente não me arrependo de nenhuma amizade que eu "quebrei". Meus motivos foram bons dentro de mim. 

Acho que amizade é um sentimento confuso. Alguém saberia me explicar, por favor!

20/10/14

Embu das Artes/SP - Mais um item concluído!

Neste domingo fui para Embu das Artes, cidade aqui do lado de sampa, turística e super conhecida por sua feirinha de artesanatos.

Fui com o Lê, minha mãe e minha vó, que há ANOS pedia para ir. Era mais um item da minha lista de 101 coisas. Mais um item concluído.

Mas não vou falar da lista não. Vou falar da cidade que é deliciosa, muitas comidinhas e muitas coisas LINDAS principalmente de decoração, mas também, bijuterias, artes plásticas, móveis, instrumentos rústicos, crochês, etc.

O nome da cidade era apenas Embu, mas as pessoas a chamavam de Embu das Artes justamente por conta desta tradição artística, até que em 2011 foi realizado um plebiscito na cidade onde os moradores escolheram que o nome da cidade fosse oficializado como Embu das Artes. Não é lindo?

É um passeio maravilhoso, o lugar é lindo. Pegamos um dia muito bom, ensolarado. Vi várias pessoas fotografando. E claro que levei minha pequena para tirar algumas também.

Lindona

Adorei essa e a foto a seguir,

Créditos do Lê!

Easy laugh

Olha lá a feirinha, tem de tudo!


Analisando as obras

Perguntando preços...

Gente, uma coisa mais fofa que a outra!

Teria um desse na minha varanda!

Resumo do domingo:

  • Mais um item da lista concluído
  • Uma vó feliz
  • Um almoço delicioso
  • 1 necessaire
  • 1 porta óculos de tecidinhos bonitinhos 


(faço outro post depois só para mostrar minhas duas aquisições.)

16/10/14

Confesso Que...Eu Me Apaixono Tão Fácil...

Antes que alguém me pergunte "Mas Ju, você não é casada?"... Sim eu sou, mas quando eu digo que eu me apaixono fácil, não é por meninos aleatórios não.

Eu me apaixono fácil por coisinhas fofas, cupcakes rosas, animaizinhos com olhos de "pidão", crianças tagarelas, idosos rabugentos, me apaixono por casais apaixonados (aham! Sou daquelas que se apaixona pela paixão dos outros, suspirando e dizendo "Vocês são tão fofos"). Vai ver é por isso que eu adoro uma comédia romântica.

Às vezes me sinto uma bobona... corrigindo... eu sou uma bobona! Não coloque uma música do

Michael Bublé perto de mim, é ficar apaixonada na certa!!


Fiquei apaixonada por esse quadrinho do Snoopy - Tão Eu!


Este post não serviu para nada! Mas para vocês terminarem por aqui com overdose de açúcar no sangue, segue uma musica romantiquinha digna de qualquer cerimonia de casamento, da mais esnobe a mais humilde! Se você for se casar, por favor use essa música na sua festa!!



(Acho que meu senso de paixão piora com a chegada do fim de semana)

14/10/14

Blogagem Coletiva - Analisando Meu Blog


http://weheartit.com/

Primeiro de tudo eu preciso dizer que estou MUITO feliz em ter conhecido o Rotaroots, que é um grupo de blogueiros que visa resgatar a ideia dos antigos blogs pessoais. 

Eu adoro blogs de moda, beleza, e tudo mais, mesmo porque eles são bem úteis para pessoas fora de moda como eu, mas eu me sinto um peixinho fora d'águas às vezes... o "As Besteiras" é tão tão pessoal em meio a tantos blogs maravilhosos de beleza... sabe como é isso?? Enfim... aí o grupo é muito legal. Eles dão temas para blogagens coletivas e tudo mais!

Aí né, um dos temas deste mês é: Analisando meu Blog.

Gente, o "As Besteiras" é meu amorzinho.

Meu primeiro post foi justamente explicando o porquê do nome "As besteiras que me contam". Eu tinha um tio, na verdade eu nem conheci esse cara, que dizia sempre que ouvia uma "porcaria" de alguém:

- É melhor nascer ouvindo e ouvir essas besteiras do que nascer surdo!

Minha família imortalizou a frase e ela serviu de inspiração para o nome do blog, mas o que poucas pessoas sabem é que o "As Besteiras" foi criado em um momento muito ruim da minha vida.

Quem acompanha o blog desde sempre sabe que em 2009 eu perdi uma das pessoas mais importantes da minha vida. Pai, amigo, parceiro, motorista, professor, psicólogo, tudo que uma filha precisava ter, e eu perdi ele assim, do nada, sem mais nem menos, ele simplesmente se foi

Foi muito dolorido e ainda é, acontece que eu guardei tudo que podia aqui dentro de mim, inclusive as coisas ruins como a dor, a sensação de perda, a mágoa, a desesperança, a raiva, a sensação de impotência, tudo. Claro que eu não aguentei todas essas coisas ruins aqui dentro em 2012 comecei a "pipocar".  

(???)

Muitas dores apareceram, fui em vários médicos, fiz inúmeros exames, mas não tinha nada, até que comecei a ter alguns mini surtos de tristeza e medo, que viraram ataques de pânico. Sim, tive pelos menos uns três ataques feios de pânico. Mas como eu sou uma pessoa que ODEIA tomar remédios eu escolhi que teria que ficar bem de qualquer maneira, precisava ocupar minha cabeça e o blog foi uma das soluções.

Comecei falando sobre coisinhas que gostava, filmes, coisas que eu fazia, experiências, como o intercâmbio na NZ, receitinhas, TAGS. Acabei conhecendo blogs incríveis e bogueiras mais incríveis ainda, vocês não fazem ideia de como isso me ajudou. Acabou que eu melhorei, ainda sinto uma dorzinha de vez em quando, mas melhorei!

Não sei se todo mundo gosta dos meus posts, acredito que não, mas faço com carinho, quando retribuo visitas ou entro em blogs novos faço questão de ler o post e comentar alguma coisa que faça sentido e que seja honesto.

O "As besteiras" fez parte de uma época importante na minha vida e agora serve como diário dos meus pensamentos e registro aberto de parte da minha vida.

* Este post faz parte da blogagem coletiva do grupo Rotaroots - Blogueiros de raiz.*

13/10/14

101 coisas em 1001 dias - 96. Visitar A Vó Lourdes Na Praia Grande


Sabadão foi dia de mais um item concluído na minha lista 101 coisas em 1001 dias! ÊÊÊÊÊ \o/!!

Foi o item nº 96 - Visitar minha Vó Lourdes na praia. Juntamos os primos, fizemos aquele mercado e descemos a serra sentido Praia Grande/SP.

A Vó já tinha até acendido a churrasqueira (que ela fez questão de lembrar que tinha sido a primeira vez!). Tinha arroz, vinagrete, maionese, kafta, mousse de maracujá, mousse de limão, cerveja e tinha também, conversas atrasadas, piadas engraçadas e sorrisos sinceros.

Como o item nº 101 é registrar todos os itens, aí vão minhas fotinhos. Ah sim! Um absurdo eu não ter aparecido em NENHUMA foto. Também, bem feito, quem manda querer dar uma de fotógrafa?

Vó com o arroz pronto!

Distribuindo beijos - Primeiro no meu menino...

...Depois no menino da prima...

E antes de beijocar o primo, um golinho na companheira...

Agora sim... beijo no primo!

Ninguém encosta nas plantinhas

Nem na cerveja!

Olha nosso banquete!

Flor do jardim

E jardim! (Sou ótima em explicar fotos!!)

O copo tá na mão!

Ria vovó!


Em outro post falei da vó Cida, hoje foi a vez da vó Lourdes... são vovós bem diferentes, mas são minhas!


- Certo, vó?
-Não me chama de vó! Me chama de tia!
- Desculpa vó!

Ah sim! Domingo que vem Vamos levar a Dona Cida para Embu das Artes! Mais um item prestes a ser concluído!!


10/10/14

Para Viver Um Grande Amor

A grande verdade do mundo é que todos nós buscamos a felicidade de alguma forma.
Seja na profissão, fazendo uma viagem, comendo, ouvindo músicas, escrevendo (blogueiras sabem bem disso) ou vivendo um grande amor.



Mas e para viver um grande amor? Vinicius de Moraes disse assim:

Para Viver Um Grande Amor direito
Não basta apenas ser um bom sujeito
É preciso também ter muito peito
Peito de remador..
É sempre necessário ter em vista
Um crédito de rosas num florista,
Muito mais, muito mais que na modista !

Para Viver um Grande Amor...

Eu concordo, tem que ter muito peito mesmo. Não é para qualquer um viver um grande amor. É preciso coragem para se entregar, para se envolver, para se jogar de cabeça, sem saber se lá embaixo vai ter chão ou água.

Além disso, sempre tem o povo da torcida contra. Gente que até se diz preocupada, mas que não ajuda em nada.

Mas a grande questão é Como Saber Antes de Ser?

Você só vai saber quando se jogar.

Se jogue!